Seguidores

quinta-feira, 14 de maio de 2015

SOLIDÃO É A AUSÊNCIA DE SI MESMO Profª Lourdes Duarte



 SOLIDÃO É  A AUSÊNCIA DE SI MESMO
Profª Lourdes Duarte


A maior solidão é a dor do ser que se ausenta,
E vive no absoluto de si mesmo
É o solitário  que tem medo de amar,
E o que tem medo de ferir e ser ferido.


É o que se recusa às verdadeiras fontes de emoções
E vive a angústia do mundo que o reflete
Fruto de um coração solitário e triste
É a ausência da essência que adormece.


A solidão é como um cárcere fechado
Que atordoa corações vazios
Ou corações tão grandiosos
Que  nele, lugar não  termina.


O preço do egoísmo é a solidão
Das pessoas que vivem em seu próprio isolamento
Não compartilham harmoniosamente a vida
E mesmo em meio a uma multidão, sentem-se só
Tristonhos e  sem cão.


A pior solidão é a interior
É Ir dentro de si e não encontrar ninguém
Lembranças que machucam e ferem a alma
De um ser que  ora  lamenta-se e chora,
Com a distância que separa de si mesmo.








O TEMPO PASSA RAPIDAMENTE


O tempo passa e um dia descobrimos que apesar de viver longos anos esse tempo todo não foi suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos. Então, seguimos em frente trilhando novos caminhos ao visualizarmos novos horizontes.



Proªf Lourdes Duarte

segunda-feira, 11 de maio de 2015

O OLHAR





Muitas vezes o olhar fala mais que qualquer palavra.Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação.



Profª Lourdes Duarte

ESCOLHAS E ESFORÇOS Profª Lourdes Duarte



ESCOLHAS E ESFORÇOS
Profª Lourdes Duarte


A mente nos oferece mil opções, escolhas e  o esforço correto para as conquistas definitivas. Ninguém pode fazer por nós o caminho, tudo depende do nosso esforço e persistência.
Pare então de olhar só para fora e de se impressionar com o sucesso alheio.

Olhe demoradamente sua consciência, sua harmonia interna; indague-se, faça
silêncio para que a verdade brote natural e que suas conquistas sejam trilhadas por caminhos que você traçou.

 Pense positivo e seja um vencedor.


domingo, 10 de maio de 2015

MÃES QUE SE DOAM SEM DISTINÇÃO Profª Lourdes Duarte




MÃES QUE SE DOAM SEM DISTINÇÃO

Profª Lourdes Duarte


Mãe carinhosa, mãe amiga, mãe bondosa
Teus braços sempre se abrem
Quando eu preciso de um colo amigo
Ou de um abraço que aqueça meu coração.


Teus olhos sensíveis se endurecem
Quando preciso de uma lição
Mas teu coração é tão grandioso
Que me protege mesmo se me encontro na escuridão.


Tua força e teu amor me conduzem pela vida
E me dão asas e me ensinam a voar
Mãe sublime, mãe que ama incondicionalmente
Amor como este ninguém nunca terá.



Mãe,que tem a beleza das flores,
A doçura do mel que afaga os corações
Mãe rica, mãe pobre,mãe branca, mãe preta,
Mãe que gerou no ventre ou no coração,
Vocês serão mães por toda a vida
E aos seus filhos se doarão.


O colo de mãe, seu olhar, seu cheiro,
Ninguém nunca terá igual
Nem a textura da pele e a serenidade,
A franqueza, a verdade da qual ela é feita
Prova do seu amor sem igual.



FELIZ DIA DAS MÃES !