Seguidores

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Poesia UMA VELHA LUA




UMA VELHA LUA
Autora: Profª Lourdes Duarte


Depois de uma tarde sereníssima
Sob o céu limpo e encantador
Surge a lua cor de prata
Suave com seu manto cobre a terra
E no espaço flutua e paira.


Quando as eminências se azulam
Logo ao cair da noite
O seu brilho ora fosco ora prateado
Se confunde com a luz crepuscular
Por traz das colinas quando desponta.

.
Uma velha lua, que encanta a todos
Como uma canção que desnuda a alma
A lua desce a terra como um véu de noiva
Inebriando os corações enamorados.


Lua nova, lua cheia ou quarto crescente
Em todas suas fases tem mistérios
O que importa é que do alto do céu
Exuberante impera sobre a terra.


quinta-feira, 22 de maio de 2014

ANDARILHO NA ESTRADA DA VIDA





ANDARILHO NA ESTRADA DA VIDA
Autora: Profª Lourdes Duarte

Sou andarilho na estrada da vida
aprendendo com os erros ou acertos
Com o amor e o desamor
Às vezes, exausta, paro cansado
Às vezes paro para tomar outro rumo
Com mais luz e menos escuridão
Retiro as pedras e corto os espinhos
Numa luta insana, alegre ou feliz
Cuido das flores e rego as dores
Mesmo de coração, feliz ou ferido
Retomo o fôlego quando estou cansado
Depois, levanto e seduzido pelos encantos da vida
Sigo em frente em busca dos sonhos.
Cheia de fé, eu prossigo na caminhada
Um passo e mais outro e mais outro
Até quando continuo a caminhada, não sei
O que sei que me entrego nas mãos do Criador
E seja feita a sua vontade.
Sei que não é fácil, prosseguir
Mas sei que é maravilhoso ver novos horizontes
Olhar para o caminho percorrido
E mudar de rumo quando for preciso
No meu ritmo, do meu jeito,
um passo de cada vez
Sempre seguindo a voz do coração.


quarta-feira, 21 de maio de 2014

OS ERROS DOS OUTROS NÃO SÃO NOSSOS...





É justo angustiar-se ao reconhecer os próprios erros, mas não é sábio permitir que os erros  dos outros no importunem. Os defeitos deles são deles e não nossos. Quanto aos nossos, é só corrigi-los e não cometer outra vez.


 Profª Lourdes Duarte

terça-feira, 20 de maio de 2014

20 DE MAIO DIA DO PEDAGOGO





"Senhor dá-me uma partícula da tua sabedoria para que eu possa seguir praticando o melhor no exercício da minha profissão.
Ser pedagogo, não é apenas ser professor, é  se doar pelo magistério, é uma eterna doação a educação. 
 É ser Responsável, é não ter medo do presente e olhar o futuro com olhos de quem quer o melhor para se e para o mundo das pessoas  que orienta com seus ensinamentos.

Como diz Vanessa B. de Carvalho, “Ser Pedagogo é ser responsável pela vida, pelo caminho de cada um destes profissionais que hoje na faculdade e na sociedade nem se quer lembram que um dia passaram pelas mãos de um Pedagogo”. Ser  Pedagogo é ser mais que profissional, é ser alguém que acredita na sociedade, no mundo, na vida”.

TENHO ORGULHO EM SER PEDAGOGA.
FELIZ DIA DO PEDAGOGO!



segunda-feira, 19 de maio de 2014

POESIA "A VIDA E SEUS MISTÉRIOS "




A VIDA E SEUS MISTÉRIOS
Autora: Profª Lourdes Duarte


A vida é como uma sinfonia encantadora
Ou como um redemoinho de vento assustador
O novo dia uma fonte grandiosa de oportunidades
Porque Deus nos abençoou e é nosso protetor.


Tem dias que é calmaria e vem a felicidade
Outros, o vento sopra como um furacão
Mas é preciso coragem no lugar das incertezas
Força e fé para seguir em frente sonhando com o melhor.


E neste redemoinho de vento
A vida segue de mãos dadas com os mistérios
Com alegria, esperança, sonhos, certezas e incertezas
Escrevendo em cada nota a canção da vida que segue.


Que as angústias não me alcancem
Nem abalem a minha esperança
Que a vida siga como pauta... em cada nota...
Ou como um vento que leve as amarguras
E resgate vontades que deixei adormecer num dia tristonho.


Ouça a tua sinfonia e a cada dia me encanta
Que tempestades ao vento, não apaguem o meu sorriso
Não me falte, vontade de viver, mesmo com lágrimas a rolar
Ouço a sinfonia e sinto o redemoinho de vento.
Amo a vida!