Seguidores

sábado, 3 de junho de 2017

SOLIDÃO É A AUSÊNCIA DE SI MESMO Profª Lourdes Duarte




A maior solidão do homem é o abandono de si mesmo. O solitário, mesmo no meio da multidão sente-se só.
É como se os dias fossem escuros e tristes e as noites frias sem o brilho das estrelas e a vida fosse coroada de espinhos.
        É como se a própria sombra o amedrontasse. Não conseguem perceber a beleza que está ao seu lado, que o mundo lá fora é colorido e belo. Não conseguem lembrar que Jesus  o ama  e ama  a todos incondicionalmente.
Muitos estão solitários não porque querem estar, mas por problemas que os afetam. Essas pessoas precisam de um ombro amigo, precisam de carinho, compreensão, ajuda espiritual ou material, Jamais ser criticados.




SOLIDÃO É A AUSÊNCIA DE SI MESMO
Profª Lourdes Duarte

A maior solidão é a dor do ser que se ausenta,
E vive no absoluto de si mesmo
É o solitário que tem medo de amar,
E o que tem medo de ferir e ser ferido.


É o que se recusa às verdadeiras fontes de emoções
E vive a angústia do mundo que o reflete
Fruto de um coração solitário e triste
É a ausência da essência que adormece.


A solidão é como um cárcere fechado
Que atordoa corações vazios
Ou corações tão grandiosos
Que nele, lugar não termina.


O preço do egoísmo é a solidão
Das pessoas que vivem em seu próprio isolamento
Não compartilham harmoniosamente a vida
E mesmo em meio a uma multidão, sentem-se só
Tristonhos, só e sem chão.


A pior solidão é a interior
É Ir dentro de si e não encontrar ninguém
Lembranças que machucam e ferem a alma
De um ser que ora lamenta-se e chora,
Com a distância que separa de si mesmo.


20 comentários:

  1. Encantador seu poema sobre a solidão. Lendo-o, olhei meu interior e percebi que, muitas vezes, ele está só, mesmo em meio a várias pessoas, mas, ainda assim, sente uma forte solidão. A perca dos que amo, a dor que provocam em mim com falsidades, traições, faz com que eu me ausente de mim mesma. Seu poema tem muito haver com meu estado interior em alguns momentos, graças a Deus, não é sempre. Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Lúcia, quantas vezes nos isolamos de nós mesmos! O amor a vida, as coisas as pessoas ,o carinho de quem nos ama, a fé em Deus nos ajudam a sair da solidão interior. Quem sofre de depressão sabe descrever esse estado. Tem pessoas que acham que depressão é brincadeira. não é! Nesse momento compreensão, carinho, amor são fundamentais para ajudar quem está depressiva. não me referi a palavra depressão, mas foi pensando, nesse estado de solidão interior que escrevi. Abraços amiga e que Jesus continue lhe amando com muitas bênçãos. Saiba que mesmo do outro lado da telinha fria tem muitas pessoas que te quer muito bem e torce por você. Bjuss

      Excluir
  2. Prof.ª Lourdes a solidão é mesmo o abandono que a pessoa tem por si mesma. O conhecido e correto cronista, Arthur da Távola, já falecido, dizia, quando encerrava o seu programa com música erudita, na TV Senado: “Quem tem vida interior jamais padece de solidão”.
    Parabéns pelo seu belo poema.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Pedro Luso, boa lembrança a sua ao se referir a Arthur da Távola, um grande cronista. Saibas palavras, acredito que pessoas que não tem vida interior, é um abandono de si mesmo. Grata pela visita e o comentário que só engrandece a postagem. fico feliz que gostou do poema. Volte sempre.Obrigada!

      Excluir
  3. Um poema sublime.
    A maior solidão é realmente a interior, a que domina a alma.
    Bom fim de semana
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Obrigada querida Maria Rodrigues! Por vezes me senti assim com a força de Deus e o carinho dos que me amam saio desse marasmo sombrio. Quando isso acontece com alguém não é preguiça nem muito menos porque quer, como muitos pensam. É muito sério.um abençoado Domingo, abraços, volte sempre.

      Excluir
  4. Bom dia!
    A depressão é o mal desse século. Principalmente, por ainda não ser tomada a sério como deveria. Muitos dizem a um deprimido que se levante e viva, o que seria o mesmo que dizer a um cardíaco que pare de ter enfartes. Dignos de compaixão, precisam de carinho e apoio para que procurem auxílio em seus males. E nisso ninguém poderá ajudá-los: a vontade de toda melhora sempre precisa partir de dentro.
    Um ótimo domingo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Bindy, é o mal do século e não tem idade para atingir. Precisam levar a sério. Um abençoado Domingo e que Jesus continue nos abençoando e quando o peso da nossa cruz ficar muito pesada não nos esquecemos que Ele carrega a cruz conosco, caso contrario não poderíamos com o peso. Abraços, fica na paz de Deus.

      Excluir
  5. Verdade, mesmo, querida Lourdinhas.

    Solidão é algo, k ninguém deseja, mas quantas vezes estamos acompanhadas e nos sentimos sozinhas? Como escreveste em teu belo texto e poema, o nosso interior tem de estar habitado por nós mesmas, e assim, estaremos e seremos felizes.

    Beijinhos e bom domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querida Céu! Concordo com você, ninguém deseja e se não fosse uma força interior que brota, movida pela fé que ainda nos resta, não sairíamos.Que a solidão nunca habite em nós. Abraços um feliz domingo. Volte sempre.

      Excluir
  6. Bom dia Profª Lourdes!

    A solidão é mesmo um grande mal p'alma, quantas vezes estamos cercados de pessoas e o nosso interior está solitário,qdo me pego pensando em solidão, dou uma sacudida n'alma procuro alguém da família, ou uma amiga e vou papear, passear, tomar um sorvete, dar uma viajada e por ai vai. Tenho muito medo de solidão, embora more sozinha.
    Bem oportuno e edificante seu poema.
    Tenha um domingo feliz!

    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga, a solidão é realmente um grande mal para a alma e a mente. Graças a Deus que você sabe lutar contra a solidão e que Deus continue lhe dando forças, amor próprio e sonhos maravilhosos para sonhar e força para realizá-los. Obrigada, volte sempre, bjus

      Excluir
  7. Respostas
    1. Obrigada rosário, pela visita e por seguir o blog. seja bem vinda! volte sempre, bjus

      Excluir
  8. Hello,
    I liked your post hehe.
    I keep following your blog, would you follow mine back? please.
    A hug <3.
    Obsesión por la lectura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi ! Seja bem vindo! Obrigada pela visita. Com certeza irei conhecer o seu. Abraços

      Excluir
  9. Passando pra desejar uma boa semana
    e aproveitando para apreciar este poema belissimo
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Márcia, feliz em lhe ver aqui, seja bem vinda sempre! uma noite de paz e um início de semana feliz.

      Excluir
  10. Na verdade, a solidão começa sempre pelo próprio.
    Gostei muito do texto e do poema, são excelentes.
    Boa semana, Lourdes.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  11. Também já tive depressão e um dos sintomas era aquele sentimento de nada te alegrar, não importava as pessoas e os eventos, tudo passava batido, mas graças a Deus e a família e também querer sair desse estado, e também a jardinagem, hoje estou bem, mas não podemos nos descuidar.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e por deixar comentário. Sua participação é muito importante, volte sempre.